Posts Tagged ‘meio ambiente’

No Dia Mundial do Solo, Brasil lan√ßa o mapa de carbono org√Ęnico do solo

terça-feira, dezembro 5th, 2017
Uma das vers√Ķes preliminares do Mapa, de 2015 - Imagem: Embrapa

Uma das vers√Ķes preliminares do Mapa, de 2015 – Imagem: Embrapa

Para celebrar o dia 05 de dezembro, Dia Mundial do Solo, nada melhor que contribuir para a informa√ß√£o do produtor sobre a composi√ß√£o de seu solo. Pensando isso, a Embrapa Solos lan√ßa hoje o Mapa digital de Carbono Org√Ęnico do solo, na profundidade de 0-30cm. O trabalho junta a modelagem matem√°tica e os conhecimentos pr√°ticos de campo, visando contribuir para a conserva√ß√£o dos recursos naturais nos mais diversos programas mantidos no pa√≠s.

O Programa ABC (Agricultura de Baixa Emiss√£o de Carbono) do MAPA – Minist√©rio da Agricultura, Pecu√°ria e Abastecimento √© um dos contemplados pelo trabalho, utilizando-o para melhor orientar as a√ß√Ķes de redu√ß√£o de emiss√£o dos gases de efeito estufa. O Mapa de Carbono Org√Ęnico captou informa√ß√Ķes sobre o solo, relevo, clima e vegeta√ß√£o, unindo-os aos m√©todos matem√°ticos para inferir com maior precis√£o as informa√ß√Ķes em locais n√£o medidos, como o estoque de carbono no solo. (mais…)

Sistema AgroFlorestal (SAF): como começar um?

quarta-feira, novembro 22nd, 2017

sistemagroflorestal_sementespirai

A agricultura org√Ęnica vem crescendo consideravelmente nos √ļltimos anos e bem sabemos que esse crescimento se manter√°. Logo, o sistema Agroflorestal (SAF) √© uma op√ß√£o para os produtores que desejam migrar para a modalidade org√Ęnica. Por√©m, antes de iniciar a migra√ß√£o √© necess√°rio considerar alguns pontos.

O primeiro deles √© reconhecer no mercado da regi√£o o alto potencial de absor√ß√£o desses produtos. N√£o adianta investir sendo que, por incr√≠vel que pare√ßa, a sua regi√£o ainda n√£o consome em quantidade consider√°vel a linha org√Ęnica.¬† A propriedade tamb√©m √© fator importante. Algumas vari√°veis podem determinar, ou n√£o, o sucesso do sistema como a localiza√ß√£o, as condi√ß√Ķes abi√≥ticas e at√© a legisla√ß√£o vigente. (mais…)

São Paulo não é só selva de pedra, é selva de produção

sexta-feira, outubro 20th, 2017

horticulturasp_sementespirai

Difícil imaginar que a capital do estado de São Paulo, em meio a tanto concreto e urbanização, reserve algum espaço para a produção agrícola. Mas, se procurarmos bem e agora, com o incentivo da Prefeitura, vamos poder conferir o processo produtivo da grande metrópole da América Latina.

Trata-se de uma a√ß√£o assinada pela Secretaria Municipal de Trabalho que est√° ajudando a agricultura desenvolvida em Parelheiros, bairro do extremo sul da cidade. A produ√ß√£o vai al√©m de uma fonte de renda e emprego, mas sim um grande contribui√ß√£o para o meio ambiente e um fator muito favor√°vel contra a ocupa√ß√£o urbana irregular, pontua o agr√īnomo da prefeitura, Cristiano Mendes. (mais…)

27 de Abril – Dia da Caatinga

quinta-feira, abril 27th, 2017

dia_da_caatinga_adubarofuturo_blog

No Dia da Caatinga partilhamos a boa not√≠cia de que o governo liberou quase tr√™s milh√Ķes para recuperar esse bioma! A Embrapa ser√° respons√°vel pelas a√ß√Ķes, que v√£o usar o Sistema de Integra√ß√£o Lavoura-Pecu√°ria-Floresta (ILPF), como forma de estimular a produ√ß√£o nas unidades agr√≠colas.

Fonte: Portal Brasil

Brasil avança para reduzir a emissão de poluentes!

terça-feira, dezembro 6th, 2016
Práticas sustentáveis produtivas como o Sistema ILPF são medidas que contribuirão para que o agro conduza o processo sustentável de redução de poluentes - Imagem: Divulgação.

Pr√°ticas sustent√°veis produtivas como o Sistema ILPF s√£o medidas que contribuir√£o para que o agro conduza as implica√ß√Ķes do Acordo de Paris – Imagem: Divulga√ß√£o.

Sabemos que a agricultura/agropecuária pode influenciar, e muito, na jornada sustentável que o Brasil tem por compromisso quando o assunto são a redução de poluentes. Medidas simples, como a adoção de técnicas mais sustentáveis na produção já representam um valor significativo de contribuição.

O Governo Federal, por sua vez, atua ao encontro dessas a√ß√Ķes e desde meados de setembro passado entrou oficialmente na lista dos pa√≠ses que aderiram ao Acordo de Paris, firmado no fim de 2015 com o objetivo de conter o aquecimento global. Em n√ļmeros, o pa√≠s se compromete para manter o n√≠vel de aumento da temperatura global abaixo dos 2¬ļC e com a redu√ß√£o da emiss√£o de gases poluentes em at√© 43% at√© 2.030. (mais…)

Em Manaus, a adubação verde auxilia na recuperação de solos degradados!

quinta-feira, novembro 17th, 2016
João, Bruno e Ivan, os estudantes do projeto de recuperação de áreas degradadas com adubação verde e bomba de sementes - Imagem: Márcio Silva.

João, Bruno e Ivan, os estudantes do projeto de recuperação de áreas degradadas com adubação verde e bomba de sementes РImagem: Márcio Silva.

Estudantes do 3¬ļ ano do ensino m√©dio da Funda√ß√£o Matias Machline, em Manaus/AM, desenvolveram um projeto de recupera√ß√£o de solos degradados que leva, em m√©dia, 15 anos para apresentar 100% de retorno e que apresenta custos tr√™s vezes menores que uma a√ß√£o de reflorestamento. A a√ß√£o foi apresentada em 18 de outubro¬† na Feira de Ci√™ncia da Amaz√īnia (FCA), evento incluso na 13¬™ Semana Nacional de Ci√™ncia e Tecnologia no Amazonas (SNCT).

Bruno Muniz, Ivan Miller e Jo√£o Melga estudaram t√©cnicas que recuperam a sa√ļde do solo e para tanto, investiram em duas a√ß√Ķes: a aduba√ß√£o verde e a bomba de sementes (bola de argila), que juntas ajudam a nutrir a terra permitindo a melhor fixa√ß√£o de nitrog√™nio e outros nutrientes, fazendo com que indiretamente a mata secund√°ria cres√ßa mais r√°pido do que no processo natural. Para a aduba√ß√£o verde os estudantes optaram por plantar leguminosas como mucuna-preta, feij√£o-guandu, feij√£o-de-porco, entre outras. (mais…)

Projeto Biomas Amaz√īnia: o caminho at√© aqui!

terça-feira, novembro 1st, 2016
Imagem: CNA.

Imagem: CNA.

Compreendendo oito estados, sendo integral ou parcialmente, o Bioma Amaz√īnia √© parte de 60% do territ√≥rio nacional. Suas caracter√≠sticas est√£o presentes na riqueza vegetal, na presen√ßa da fauna e nas condi√ß√Ķes clim√°ticas, que muito auxiliam na manuten√ß√£o de sua bacia hidrogr√°fica. Por isso, preservar tal bioma √© de fundamental import√Ęncia para se #adubarofuturo!

Para tanto, h√° quatro anos algumas for√ßas se uniram e deram in√≠cio ao Projeto Biomas Amaz√īnia. Entre elas a Confedera√ß√£o da Agricultura e Pecu√°ria do Brasil (CNA), a Empresa Amaz√īnia Oriental e outras institui√ß√Ķes de ensino e pesquisa. Seu principal objetivo est√° em plantar √°rvores em sistemas produtivos homog√™neos ou consorciados com culturas anuais, favorecendo o equil√≠brio do bioma e oferecendo fontes de renda alternativas aos produtores rurais. (mais…)

I Feira de Sementes Ind√≠genas de Rond√īnia

quinta-feira, outubro 27th, 2016
Imagem: Divulgação.

Imagem: Divulgação.

Hoje partilhamos um convite de evento muito especial vindo l√° de Rond√īnia!

Ser√° realizada¬†nos dias 01, 02 e 03 de novembro a I Feira de Sementes Ind√≠genas de Rond√īnia, “Troca de sementes, troca de saberes” – Sogahy Epariht, ¬†na aldeia G√£pgir, linha 14, Terra Ind√≠gena Sete de Setembro em Cacoal.

Sua realiza√ß√£o tem como objetivo fortalecer os povos ind√≠genas valorizando os conhecimentos tradicionais relacionados √† agrobiodiversidade, a valoriza√ß√£o da alimenta√ß√£o tradicional, da gest√£o territorial e ambiental nas terras ind√≠genas. (mais…)

2¬ļSimp√≥sio de Agroecologia – UERR

sexta-feira, outubro 14th, 2016
Imagem: UERR

Imagem: UERR

A Universidade Estadual de Roraima, por meio de seu Programa de P√≥s-Gradua√ß√£o Mestrado Acad√™mico em Agroecologia, convida para o 2¬ļSimp√≥sio de Agroecologia,¬† a ser realizado entre 17 e 19 de outubro na sede da UERR em Boa Vista, paralelo a IX Semana Nacional de Ci√™ncia e Tecnologia em Roraima (SNCT-RR).

No primeiro dia do evento trabalhos acadêmicos serão apresentados na SNCT e a palestra principal do Simpósio será do Dr. Carlos Alberto Barbosa Medeiros (Embrapa Clima Temperado) sobre agroecologia e segurança alimentar.

No dia 18, segundo dia de evento, sete palestras movimentar√£o o Simp√≥sio, entre elas o “Relato de experi√™ncias agroecol√≥gicas em Roraima”, por Francisco Canind√© da Silva Bessa (Hortivida) e “Aduba√ß√£o Verde em sistemas agroecol√≥gicos, por Dr. Arison Jos√© Pereira, (Universidade do Tocantins). As apresenta√ß√Ķes de trabalhos da SNCT tamb√©m prosseguem. (mais…)

Unimed Piracicaba celebra primavera com distribuição de Crotalária

sexta-feira, outubro 7th, 2016

____________________________________________________________________

Obs: O texto de hoje √© uma reprodu√ß√£o integral do excerto da reda√ß√£o do Jornal de Piracicaba.¬†Agradecemos e creditamos ao Jornal de Piracicaba e √† Unimed Piracicaba todo o conte√ļdo textual postado abaixo.

_____________________________________________________________________

Em iniciativa com Sementes Piraí, iniciativa contempla beneficiários

Kits de sementes Crotalária distribuídas na ação - Imagem: Unimed Piracicaba.

Kits de sementes Crotalária distribuídas na ação РImagem: Unimed Piracicaba.

Para marcar o in√≠cio da Primavera, a Unimed Piracicaba distribuiu, entre os dias 22 e 23 de setembro, 1.000 kits de sementes de Crotal√°ria para benefici√°rios que passassem pelo Hospital Unimed Piracicaba e pela sede comercial. Em parceria com a Sementes Pira√≠, a atividade integra o calend√°rio de a√ß√Ķes do Programa Humaniza Unimed¬† e departamento de RSA (Responsabilidade Socioambiental) da cooperativa.

“Nossa institui√ß√£o se preocupa com o futuro da comunidade, por isso promove iniciativas de sustentabilidade para conscientizar a popula√ß√£o sobre a import√Ęncia¬† da preserva√ß√£o da flora”, disse Carlos Joussef, presidente da Unimed Piracicaba.

As sementes distribu√≠das s√£o de uma pequena leguminosa que d√° flores amarelas. Elas podem ser plantadas em terrenos baldios, quintais, jardins, vasos e nas margens dos rios. De acordo com o engenheiro agr√īnomo da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz), Jos√© Aparecido Donizeti Carlos, as flores de Crotal√°ria atraem as lib√©lulas, que p√Ķem seus ovos em √°gua limpa e parada. “As larvas da lib√©lula devoram as larvas do Aedes aegypti e, depois de adultas, as lib√©lulas tamb√©m¬† se alimentam do mosquito transmissor da dengue”. (mais…)

9¬ļCongresso Nacional da Bioenergia

quinta-feira, outubro 6th, 2016
Imagem: UDOP.

Imagem: UDOP.

Ara√ßatuba receber√° entre os dias 09 e 10 de novembro o 9¬ļCongresso Nacional da Bioenergia, uma realiza√ß√£o da Uni√£o dos Produtores de Bioenergia (UDOP). O evento j√° est√° consagrado no calend√°rio e √© o maior congresso da √°rea no pa√≠s.

Mais uma vez, os temas abordarão as novas tecnologias, os sistemas de produção e os conceitos modernos de gestão para alavancar o atual momento de retomada do segmento. Doze salas temáticas apresentarão temas como Comunicação, Comercialização e Logística, Suprimentos e Tecnologia da Informação.

No corpo de palestrantes est√£o nomes como Thiago Guilherme P√©ra (Esalq/USP), Ismael Perina Jr. (C√Ęmara Setorial do A√ß√ļcar e do √Ālcool do Minist√©rio da Agricultura), J√≥ Ueyama (USP), Luiz Carlos Correa Carvalho (Abag), entre outros.

O 9¬ļCongresso Nacional da Bioenergia acontecer√° no Centro Universit√°rio Cat√≥lico Salesiano Auxilium – UniSalesiano, localizado na Rodovia Sen. Teot√īnioVilela 3821, km8,5, Jardim Alvorada.

As inscri√ß√Ķes, at√© 1¬ļ de novembro, possuem estes valores: (mais…)

Agricultura familiar brasileira nos olhos do mundo!

quarta-feira, outubro 5th, 2016
O FIDA financia projetos que levem desenvolvimento de forma sustentável à agricultura familiar - Imagem: MDA/FIDA/Ubijara Machado.

O FIDA financia projetos que proporcionem desenvolvimento de forma sustentável à agricultura familiar РImagem: MDA/FIDA/Ubijara Machado.

Kanayo F. Nwanze, Presidente do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agr√≠cola (FIDA/ONU), afirmou que o Brasil tem muito a ensinar ao mundo sobre agricultura familiar e sua import√Ęncia. A declara√ß√£o foi dada em meados de junho na v√©spera de sua visita ao pa√≠s.

Nwanze pontuou que a agricultura familiar¬† tem peso importante para a alimenta√ß√£o do pa√≠s, cen√°rio esse refor√ßado com o dado de que 70% dos g√™neros aliment√≠cios consumidos pelo mercado interno s√£o produzidos pelo setor. Mais uma comprova√ß√£o de que a agricultura familiar tem condi√ß√Ķes suficientes para ajudar na tarefa de alimentar o mundo.

A visita do presidente do FIDA teve endere√ßo certo, duas cooperativas financiadas pelo fundo no Estado da Bahia. Segundo Kanayo, a parceria do Fundo com o pa√≠s j√° passa de tr√™s d√©cadas e trabalha para reduzir a pobreza e transformar as √°reas rurais em produ√ß√Ķes sustent√°veis, que colaboram para a produtividade e rentabilidade dos produtores. Al√©m disso, o FIDA atua no compartilhamento de inova√ß√Ķes desenvolvidas no Brasil para o resto do mundo, como m√©todos de produ√ß√£o org√Ęnica e agroecol√≥gica, coleta de √°gua e tecnologias de conserva√ß√£o e metodologias de planejamento participativo. (mais…)

Curso: Recomposição da vegetação do Cerrado!

terça-feira, outubro 4th, 2016
Registro de um dos momentos de campo do curso "" - Imagem: Breno Lobato/Embrapa.

Registro de um dos momentos de campo do curso “Recomposi√ß√£o da Vegeta√ß√£o no Cerrado” – Imagem: Breno Lobato/Embrapa.

Uma a√ß√£o promovida em conjunto pela Embrapa Cerrados e pela Emater – DF contribuiu para formar multiplicadores/defensores da vegeta√ß√£o do cerrado no final de agosto. Aproximadamente 30 t√©cnicos de institui√ß√Ķes p√ļblicas e privadas da regi√£o da capital federal participaram do curso ‚ÄúRecomposi√ß√£o da Vegeta√ß√£o no Cerrado‚ÄĚ. A iniciativa contou com o apoio do Projeto Biomas, da Confedera√ß√£o da Agricultura e Pecu√°ria do Brasil (CNA), do Minist√©rio do Meio Ambiente, da Rede de Fomento ILPF e da Deutsche Gesellschaft f√ľr Internationale Zusammenarbeit (GIZ).

Temas como as tecnologias e os processos sobre a legisla√ß√£o ambiental, a caracteriza√ß√£o do Cerrado, a produ√ß√£o de mudas, as metodologias para recupera√ß√£o de √°reas degradadas e a apresenta√ß√£o da ferramenta virtual Webambiente compuseram a grade do curso. (mais…)

Org√Ęnicos em evid√™ncia no Alto Tiet√™!

sexta-feira, setembro 30th, 2016
A cebola org√Ęnica √© um dos destaque na produ√ß√£o de Victor Cezarini, em Suzano/SP - Imagem: Divulga√ß√£o.

A cebola org√Ęnica √© um dos destaque na produ√ß√£o de Victor Cezarini, em Suzano/SP – Imagem: Divulga√ß√£o.

Os munic√≠pios paulistas de Suzano e Mogi das Cruzes apostaram na produ√ß√£o org√Ęnica e agora j√° come√ßaram a colher os bons frutos dessa decis√£o. Mesmo com a crise os produtores constataram aumento no faturamento. A associa√ß√£o de agricultores de Mogi das Cruzes pontua que o movimento do setor √© crescente e a demanda acompanha essa a√ß√£o.

O trabalho da Associa√ß√£o de Produtores Org√Ęnicos conta com dez associados que se planejam para produzir, programando o cultivo conforme a sazonalidade do produto. Como mercado comprador est√° a pr√≥pria regi√£o, a capital, o litoral e os munic√≠pios do ABC.

A produ√ß√£o org√Ęnica tem como base o cuidado com o solo, auxiliando e diminuindo o problema dos cultivares com o ataque de doen√ßas e plantas daninhas, afirma Agnaldo Firmo Alves, um dos produtores associados. Em sua propriedade ele mant√©m canteiros com cebolinha e r√ļcula plantadas juntas, dificultando o aparecimento dessas pragas. (mais…)

#adubarofuturo ensina-se desde cedo!

quinta-feira, setembro 29th, 2016
Cuidar do solo é uma das iniciativas fundamentais para que lavouras, como a de soja, continuem produzindo com riqueza e sustentabilidade no estado - Imagem: Celso Junir/AE.

Cuidar do solo é uma das iniciativas fundamentais para que lavouras, como a de soja, continuem produzindo com riqueza e sustentabilidade no estado РImagem: Celso Junir/AE.

Ensinar crian√ßas e jovens a #adubarofuturo implica na forma√ß√£o de uma gera√ß√£o antenada com as necessidades do meio ambiente e capacitada para agir e propor inova√ß√Ķes em termos de preserva√ß√£o e cuidados. L√° no RS, o empenho da Emater-RS/Ascar e das coordenadorias de educa√ß√£o formar√° uma nova turma de adubadores, os alunos das escolas estaduais das regi√Ķes Fronteira Noroeste e Miss√Ķes.

Por meio do projeto com o tema da preserva√ß√£o do solo e da √°gua os alunos dessas institui√ß√Ķes ter√£o contato direto com o Programa de Apoio ao Ensino de Solo e da √Āgua, vinculado ao Programa Estadual de Preserva√ß√£o do Solo e da √Āgua “Conservar para Produzir Melhor”.

Espera-se assim buscar o envolvimento dos alunos¬† pela educa√ß√£o sobre a conscientiza√ß√£o e execu√ß√£o de a√ß√Ķes que contribuam para o cuidado com o solo e a √°gua em todo o estado. (mais…)