Posts Tagged ‘canavial’

Alerta vermelho nos canaviais ga√ļchos

quarta-feira, abril 19th, 2017

nematoides_galha_sementes_pirai_adubar

Os nematoides j√° s√£o considerados “velhos conhecidos” das lavouras brasileiras, em especial soja e cana-de-a√ß√ļcar. Por√©m, o alerta vermelho emitido no Rio Grande do Sul chama a aten√ß√£o para um tipo espec√≠fico de nematoide, o Meloidogyne ethiopica, sendo esse o primeiro relato mundial a ser constatado em ra√≠zes da cana-de-a√ß√ļcar. (mais…)

Meiosi Cana-MPB com Crotal√°ria oferece excelente resultado

quinta-feira, dezembro 8th, 2016

_________________________________________________________________________

Obs: O texto de hoje √© uma reprodu√ß√£o integral do excerto da Revista Cana Online. Agradecemos e creditamos a Cana Online todo o conte√ļdo textual postado abaixo.

_________________________________________________________________________

No caso, o adubo verde mais recomendado é a Crotalária-juncea

Rolo-faca em área com Crotaláia-juncea - Imagem: Sementes Piraí.

Rolo-faca em área com Crotaláia-juncea РImagem: Sementes Piraí.

A cana-muda proveniente de mudas pré-brotadas (MPB) apresenta alta sanidade, mais vigor, maior perfilhamento e maior taxa de multiplicação. Mas se elas forem tombadas em áreas que receberam adubação verde, o desempenho será melhor ainda. Por isso, já há várias iniciativas no setor de prática de Meiosi, intercalando a MPB com culturas que alimentam o solo.

A aduba√ß√£o verde tamb√©m pode ser utilizada com sucesso na Meiosi com MPB, pr√°tica que vem se intensificando nos √ļltimos tr√™s anos. No caso, o adubo verde mais recomendado √© a Crotal√°ria-juncea. (mais…)

Estudo indica que culturas de rotação trazem aumento de produtividade para a cana entre 8% e 33%

quinta-feira, novembro 24th, 2016

_________________________________________________________________________

Obs: O texto de hoje √© uma reprodu√ß√£o integral do excerto da Revista Cana Online. Agradecemos e creditamos a Cana Online todo o conte√ļdo textual postado abaixo.

_________________________________________________________________________

 

crotalariajuncea_canavial_canaviavelUma maneira de aumentar a produtividade da cana-de-a√ß√ļcar √© tornar o ambiente de produ√ß√£o mais favor√°vel, o que pode ser feito com o uso de adubos verdes, leguminosas, em pr√©-cultivo √† cana-de-a√ß√ļcar. Essas plantas s√£o empregadas nas √°reas de implanta√ß√£o e reforma dos canaviais, constituindo uma alternativa importante para a reciclagem de nutrientes, com economia da aduba√ß√£o nitrogenada e gera√ß√£o de renda. Outros benef√≠cios dessa pr√°tica s√£o a conserva√ß√£o do solo, incremento de mat√©ria org√Ęnica e controle de plantas invasoras.

Vale destacar que o Brasil √© o 6¬ļ maior consumidor de fertilizantes nitrogenados, sendo que grande parte desta demanda, aproximadamente 63%, √© suprida com a importa√ß√£o deste insumo e com proje√ß√£o para que chegue a 82% em 2025. (mais…)

Refor√ßando o convite: Inova√ß√Ķes no Setor Sucroenerg√©tico: Agr√≠cola, Ind√ļstria e Custos!

quarta-feira, novembro 23rd, 2016
Imagem: GELQ.

Imagem: GELQ.

Dias 15 e 16 de dezembro acontece o simp√≥sio ‚ÄúInova√ß√Ķes no Setor Sucroenerg√©tico: Agr√≠cola, ind√ļstria e custos‚ÄĚ. O evento √© uma realiza√ß√£o do Arranjo Produtivo Local do √Ālcool (APLA), tendo como organiza√ß√£o o Grupo de Estudos ‚ÄúLuiz de Queiroz‚ÄĚ (GELQ) e o Pecege, da Escola Superior de Agricultura ‚ÄúLuiz de Queiroz‚ÄĚ.

O Simp√≥sio tem como finalidade a divulga√ß√£o de inova√ß√Ķes para todo o setor sucroenerg√©tico, desde o plantio da cana-de-a√ß√ļcar at√© o processamento da mesma em a√ß√ļcar, etanol e energia passando por todos os custos envolvendo estas √°reas. (mais…)

2¬ļ Ciclo de Semin√°rios Agr√≠colas BioSul 2016

terça-feira, novembro 22nd, 2016
Programação do evento - Imagem: Divulgação.

Programação do evento РImagem: Divulgação.

Partilhamos o convite da BioSul e da Embrapa para o 2¬ļCiclo de Semin√°rio Agr√≠colas BioSul 2016, que ser√° realizado na pr√≥xima quinta-feira, das 08h as 17h, na Embrapa em Dourados/MS. (mais…)

Aluno de mestrado da Esalq/USP receberá prêmio IPNI 2016 por estudos com adubação verde!

sexta-feira, novembro 18th, 2016
O mestrando da Esalq, Saulo Augusto Quassi de Castro, premiado no IPNI 2016 - Imagem: Cristiano Ferrari.

O mestrando da Esalq, Saulo Augusto Quassi de Castro, premiado no IPNI 2016 – Imagem: Cristiano Ferrari.

Saulo Augusto Quassi de Castro, aluno de mestrado no programa de Solos e Nutri√ß√£o de Plantas da Escola Superior de Agricultura ‚ÄúLuiz de Queiroz‚ÄĚ (USP/ESALQ), se inscreveu no primeiro semestre deste ano no pr√™mio IPNI 2016 (International Plant Nutrition Institute Scholar Award), sob o qual foi avaliado pelo seu curr√≠culo e pelo plano de estudo que trabalha. Agora em novembro foi agraciado ao saber que seu projeto est√° entre os 4 melhores do Brasil inscritos no pr√™mio e entre os 36 melhores do mundo.

O pr√™mio IPNI apoia iniciativas que desenvolvam novas tecnologias de manejo, contribuindo dessa forma para atender a demanda global da produ√ß√£o de alimentos, agroenergia e fibras, sempre vinculadas √† sustentabilidade do sistema agr√≠cola. O mestrando viu no pr√™mio uma possibilidade de apresentar ao mundo sua contribui√ß√£o por uma produ√ß√£o mais “verde”. (mais…)

Chega de Nematoide na cana-de-a√ß√ļcar!

quinta-feira, novembro 10th, 2016

Projeto da Sementes Piraí entrevista o Professor Mário Inomoto, especialista em fitopatologia e entomologia

chegadenematoidecana_sementespiraiA Sementes Pira√≠ lan√ßou nesta semana seu novo conte√ļdo para o Projeto Chega de Nematoide: a entrevista do Professor M√°rio Inomoto, um dos consultores do site Controle os Nematoides,¬† enfocando dessa vez a cultura canavieira. Na expectativa da retomada econ√īmica do setor, a entrevista apresenta informa√ß√Ķes atualizadas sobre a a√ß√£o dos nematoides e como eles podem ser controlados com o aux√≠lio da aduba√ß√£o verde.

O cenário de prejuízos na lavoura canavieira causados por esses seres quase microscópicos é devastador e preocupante. Na entrevista, Inomoto pontua que as perdas na cultura variam de 20 a 40%, perdendo em média (considerando um exemplo de 70 toneladas) cerca de 1.000 a 1.500,00 reais por hectare.

Das esp√©cies mais encontradas na cana-de-a√ß√ļcar a mais comum √© Pratylenchus zeae, seguida por Meloidogyne javanica, o Meloidogyne incognita e o Pratylenchus brachyurus. Considerado o n√≠vel de dano causado por essas pragas a ordem se altera, apresentando-se assim: Meloidogyne incognita, Meloidogyne javanica, Pratylenchus zeae e o Pratylenchus brachyurus. (mais…)

Leguminosas no canavial!

sexta-feira, novembro 4th, 2016

crotalariajuncea_programacanaviavelPesquisadores do Polo Regional de Piracicaba da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios de São Paulo (APTA) estudaram há seis anos os benefícios das leguminosas quando à incorporação de nitrogênio. Os resultados apresentados mostram as vantagens no uso de tais plantas em variadas culturas, como a canavieira.

Segundo a pesquisa a aduba√ß√£o verde em cana-de-a√ß√ļcar chega a substituir a aplica√ß√£o de 70 quilos de N2 por hectare, aumentando em m√©dia 25% a produtividade do produto. Edm√≠lson Ambrosano, um dos pesquisadores da APTA, indica que tal a√ß√£o √© significativa em termos de economia para o produtor. Esta √© a segunda pesquisa da APTA Regional que mostra a incorpora√ß√£o de nitrog√™nio com o uso de leguminosas. (mais…)

Agronegócio em 2017: como será?

terça-feira, novembro 1st, 2016
Boas proje√ß√Ķes animam o cen√°rio do agroneg√≥cio para 2017 - Imagem: ABAG.

Boas proje√ß√Ķes animam o cen√°rio do agroneg√≥cio para 2017 – Imagem: ABAG.

Bom, se depender do clima do próximo ano o agronegócio muito provavelmente não terá do que reclamar. Pelo menos é isso que afirmam especialistas da área, como Adriana Mascarenhas, gestora de economia da Famasul.

Segundo Adriana n√£o √© somente o clima que est√° favorecendo o otimismo das proje√ß√Ķes, a economia tamb√©m tem sua fatia. O mercado interno retomou seus processos e para 2017 ser√° verificado um aumento nessa demanda, em especial ao setor animal. Al√©m disso, o mercado externo deve manter os patamares de consumo e valores de neg√≥cios.

A ressalva econ√īmica feita pela gestora √© para o c√Ęmbio. Neste ano, tivemos uma valoriza√ß√£o do c√Ęmbio, o que resulta em maior competitividade aos produtos importados. Em 2017 a valoriza√ß√£o se manter√° e isso pode ser o fator que “balan√ßar√°” a produ√ß√£o interna, no tocante √†s commodities. (mais…)

Agricultura paulista melhora seus índices graças às pesquisas!

terça-feira, outubro 25th, 2016
O setor canavieiro foi um dos temas mais pesquisados nos √ļltimos 30 anos pelas iniativas de pesuqisa apoiadas pela Fapesp - Imagem: Viralcool.

O setor canavieiro foi um dos temas mais pesquisados nos √ļltimos 30 anos pelas iniciativas de pesquisa apoiadas pela Fapesp – Imagem: Viralcool.

A Fapesp (Funda√ß√£o de Amparo √† Pesquisa do Estado de S√£o Paulo) avaliou como seus projetos de pesquisa tem contribu√≠do para melhorar a produtividade na agricultura paulista e os resultados n√£o poderiam ser mais animadores: a cada 1 real investido com recursos p√ļblicos nas √°reas de pesquisa, Educa√ß√£o Superior e transfer√™ncia de conhecimento (extens√£o rural), a agricultura do estado retorna para a economia uma m√©dia de 11,00 reais.

Segundo o Professor Paulo Fernando Cidade de Ara√ļjo, da Esalq/USP, os investimentos em pesquisa destinados √† agricultura devem estar inclusos da lista de prioridades do Governo Estadual, uma vez que seu retorno √© certo e contribui, e muito, para alavancar o PIB do estado. Paulo foi o coordenador do estudo.

O estudo pontua que a cada aumento de 10% nos gastos em pesquisa, nas suas diversas vertentes, resulta em quase 5% de incremento √† produtividade agropecu√°ria. (mais…)

6ªReunião do Grupo Fitotécnico de Cana IAC em 2016

segunda-feira, outubro 10th, 2016

Partilhamos abaixo o convite do IAC para sua 6¬ļ Reuni√£o do Grupo Fitot√©cnico que acontece amanh√£ e abordar√° o tema “Aduba√ß√£o para promover a produtividade de tr√™s dig√≠tos”:

imagem_iac

Imagem: IAC.

Para mais informa√ß√Ķes, seguem os contatos: (mais…)

Cuidados para a conservação do solo canavieiro!

segunda-feira, setembro 26th, 2016
O cuidado com o solo canavieiro será uma das palestras da  - Imagem: Divulgação.

O cuidado com o solo canavieiro ser√° uma das palestras da XX Reuni√£o Brasileira de Manejo e Conserva√ß√£o do Solo e da √Āgua¬† – Imagem: Divulga√ß√£o.

Quem estiver presente na XX Reuni√£o Brasileira de Manejo e Conserva√ß√£o do Solo e da √Āgua, a ser realizada entre 20 a 24 de novembro de 2016, em Foz do Igua√ßu/ Paran√°, ter√° a oportunidade de se informar sobre o uso de sistema sustent√°vel de solo e √°gua para todos os biomas do pa√≠s. Uma das vertentes exploradas ser√° a conserva√ß√£o do solo canavieiro mediante estudos desenvolvidos pelo IAC (Instituto Agron√īmico de Campinas).

Isabella Clerici De Maria, pesqusiadora do IAC, ministrar√° palestra sobre o tema no dia 21. Intitulada ‚ÄúAn√°lise de pr√°ticas e recomenda√ß√Ķes t√©cnicas para a conserva√ß√£o do solo em cana-de-a√ß√ļcar‚ÄĚ a palestra mostrar√° as pontua√ß√Ķes do estudos feitos pelo IAC como a avalia√ß√£o do efeitos de manejo sobre a qualidade f√≠sica do solo e a an√°lise da perda de terra e √°gua por conta da eros√£o. Tais vertentes de estudo s√£o importantes para definir modelos conservacionistas de produ√ß√£o.

Um exemplo citado pela pesquisadora est√° no desgaste significativo pelo manejo totalmente mecanizado da cana-de-a√ß√ļcar, que ocasiona a compacta√ß√£o do solo, prejudicando sua estrutura f√≠sica e sua capacidade de armazenamento h√≠drico, facilitando o processo erosivo. (mais…)

Inova√ß√Ķes no setor Sucroenerg√©tico: Agr√≠cola, Ind√ļstria e Custos

sexta-feira, setembro 23rd, 2016

banner-site-01-01Partilhamos hoje o convite para o evento “Inova√ß√Ķes no Setor Sucroenerg√©tico: Agr√≠cola, Ind√ļstria e Custos”, que ser√° realizado pelo GELQ 2017 (Grupo de Estudos ‚ÄúLuiz de Queiroz‚ÄĚ), o Arranjo Produtivo Local do √Ālcool (APLA) e o Programa de Educa√ß√£o Continuada em Economia e Gest√£o de Empresas (PECEGE).

Entre os dias 15 e 16 de dezembro, no Parque Tecnol√≥gico de Piracicaba/SP, o evento vai transmitir conhecimentos e difundir tecnologias e inova√ß√Ķes do setor para profissionais da √°rea, pesquisadores, produtores e consultores. Seu foco √© a cultura da cana-de-a√ß√ļcar, onde o Brasil n√£o apenas √© o maior produtor, como tamb√©m √© o primeiro do mundo na produ√ß√£o de a√ß√ļcar e etanol.

(mais…)

Nematoides x cana-de-a√ß√ļcar de primeiro corte!

quinta-feira, setembro 22nd, 2016
Ra√≠zes de cana-de-a√ß√ļcar atacadas por nematoides do g√™nero Pratylenchus - Imagem: Slide Player/ Charles Revson de Ara√ļjo - IFMT.

Ra√≠zes de cana-de-a√ß√ļcar atacadas por nematoides do g√™nero Pratylenchus – Imagem: Slide Player – Charles Revson de Ara√ļjo/IFMT.

Leila Dinardo, pesquisadora do Instituto Agron√īmico de Campinas (IAC), afirma que a an√°lise de solos canavieiros apontam a presen√ßa consider√°vel de nematoides. Pela ordem do mais presente, seguem-se:¬† 97% das amostras analisadas t√™m o nematoide Pratylenchus zeae, 35% o Meloidogyne javanica; 20% o M. incognita e 35% o P. brachyurus. Os n√ļmeros s√£o considerados alarmantes para o setor.

A pesquisadora pontua que os nematoides podem reduzir a produtividade da cana-de a√ß√ļcar de primeiro corte numa vari√°vel de 20 a 30%; podem tamb√©m diminuir a produtividade das soqueiras entre 10% a 20% por corte, reduzindo o tempo de vida √ļtil do canavial em cerca de um ciclo produtivo. Leila tamb√©m chama a aten√ß√£o para a presen√ßa dessas pragas em solo arenoso, uma vez que os danos s√£o mais severos do que nos solos argilosos. Isso se deve, provavelmente, a diferen√ßa na capacidade de armazenamento h√≠drico.

Por sua vez, a presen√ßa de nematoides √© vari√°vel segundo a quantidade de √°gua no solo: quando se h√° bastante, a popula√ß√£o aumenta. (mais…)

Sementes Piraí disponibiliza catálogo técnico de reforma e implantação do canavial com adubação verde

terça-feira, setembro 13th, 2016

Conte√ļdo re√ļne informa√ß√Ķes sobre o uso da aduba√ß√£o verde na renova√ß√£o ou implanta√ß√£o de canaviais

release_catalogo_tecnico_canaviavel_sementespirai

A Sementes Pira√≠, empresa que h√° mais de 40 anos atua para o desenvolvimento econ√īmico e sustent√°vel das atividades agr√≠colas por meio da aduba√ß√£o verde, lan√ßa o cat√°logo t√©cnico exclusivo para o setor canavieiro. Trata-se do cat√°logo t√©cnico Canavi√°vel, material que re√ļne todas as instru√ß√Ķes que o setor necessita saber para utilizar a aduba√ß√£o verde na reforma ou implanta√ß√£o do canavial.

O cat√°logo apresenta como a aduba√ß√£o verde atua de forma sustent√°vel na cultura, proporcionando o aumento da produtividade nas √°reas j√° cultivadas e tamb√©m nas novas √°reas de produ√ß√£o. A t√©cnica atende as necessidades do setor, viabilizando a atividade nos aspectos econ√īmico e ambiental.

Abaixo, alguns dos benef√≠cios que a aduba√ß√£o verde oferece para a cultura de cana-de-a√ß√ļcar e que est√£o presentes no cat√°logo: (mais…)