Posts Tagged ‘caatinga’

27 de Abril – Dia da Caatinga

quinta-feira, abril 27th, 2017

dia_da_caatinga_adubarofuturo_blog

No Dia da Caatinga partilhamos a boa not√≠cia de que o governo liberou quase tr√™s milh√Ķes para recuperar esse bioma! A Embrapa ser√° respons√°vel pelas a√ß√Ķes, que v√£o usar o Sistema de Integra√ß√£o Lavoura-Pecu√°ria-Floresta (ILPF), como forma de estimular a produ√ß√£o nas unidades agr√≠colas.

Fonte: Portal Brasil

Vegetação do Agreste ganha reforço para sua preservação!

terça-feira, junho 7th, 2016
O Mandacaru é uma das espécies de cactáceas estudadas pela UFAL - Imagem: Divulgação.

O Mandacaru é uma das espécies de cactáceas estudadas pela UFAL РImagem: Divulgação.

Preservar as esp√©cies vegetais do Agreste/Sertao Nordestino implica em #adubarofuturo do bioma Caatinga. Para tanto, pesquisadores da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) – campus Arapiraca tem estudado a propaga√ß√£o de esp√©cies de cact√°ceas como o mandacaru, xique-xique e da coroa-de-frade. Todo o trabalho √© realizado Centro de Refer√™ncia em Conserva√ß√£o da Natureza e Recupera√ß√£o de √Āreas Degradadas (CR-ad) da Universidade.

Nos √ļltimos anos, v√°rios fatores colaboraram para a diminui√ß√£o dessas cact√°ceas em seu habitat, como a constante seca e a ornamenta√ß√£o. A principal motiva√ß√£o dos estudos ent√£o est√° na conserva√ß√£o gen√©tica original dessas esp√©cies.

O próximo passo será a reprodução dessas plantas em laboratório objetivando no médio prazo seu plantio em áreas degradadas.  O estudo quer também ter um banco de matrizes à disposição para reprodução, repetindo o ciclo natural da vida desses vegetais, para garantir seu futuro na natureza.

Consideradas símbolos da Caatinga, as cactáceas servem como fonte de alimentação animal, algumas espécies são utilizadas como ornamento em projetos de jardinagem e paisagismo e a coroa-de-frade, em especial, pode ser aproveitada também na culinária. Além disso, essa espécie vegetal é considerada uma espécie de reservatório do sertão, uma vez que armazena água das chuvas em seu interior.

Fonte: A Tribuna Hoje.

Adubando o futuro da Caatinga

terça-feira, março 24th, 2015
Caatinga. Imagem: Cid Barbosa.

Caatinga. Imagem: Cid Barbosa.

Manejo sustent√°vel conserva o meio ambiente e ajuda as fam√≠lias na sua produ√ß√£o. Seguindo esta ideia, ocorreu entre os dias 02 e 04 de mar√ßo, o debate sobre a ‚ÄúInser√ß√£o do Manejo Florestal Sustent√°vel da Caatinga na Agricultura Familiar‚ÄĚ, na sede do Instituto Nacional do Semi√°rido (Insa), em Campina Grande, Para√≠ba.

Entre os debatedores e partilhadores de ideias estavam membros da Articulação Semiárido Brasileiro (ASA), agricultores ligados à Federação dos Trabalhadores da Agricultura (Fetag) e a Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Fetra).

A proposta do evento é contabilizar maneiras de promover o desenvolvimento sustentável da atividades agrícolas que em parceria, ajudarão na manutenção do bioma da caatinga!

Nos resta agora esperar e ver boas pr√°ticas acontecendo em prol da nossa Caatinga e dos agricultores nordestinos!

Maiores informa√ß√Ķes em: http://ow.ly/KtWKE

Fonte: MMA (Ministério do Meio Ambiente).

Rotação de cultura é defendida para preservação da caatinga

segunda-feira, maio 27th, 2013

Estudos realizados pela Embrapa e por universidades nordestinas demonstram que pr√°ticas agr√≠colas desenvolvidas com t√©cnicas tradicionais, como o pousio (descanso proporcionado √†s terras cultiv√°veis para tornar o solo mais f√©rtil) e a rota√ß√£o de cultura, permitem conciliar a produ√ß√£o econ√īmica com a conserva√ß√£o da caatinga. A informa√ß√£o foi dada pelo diretor de Combate √† Desertifica√ß√£o do Minist√©rio do Meio Ambiente, Francisco Campello, que participou de audi√™ncia p√ļblica promovida pela Comiss√£o de Meio Ambiente para lembrar o Dia da Caatinga.

‚Äú√Č preciso, ent√£o, desmarginalizar essas formas de uso [da caatinga], aceitar essa realidade e ter instrumentos de controle, porque a m√°-f√© existe‚ÄĚ, declarou Campello. Ele ressaltou que, algumas vezes, com o intuito de preservar o meio ambiente, a legisla√ß√£o acaba por criminalizar atividades que n√£o comprometem os ecossistemas.

Como exemplo da capacidade de ambientes semi√°ridos de suportar grandes popula√ß√Ķes e pr√°ticas econ√īmicas, o secret√°rio de Biodiversidade e Florestas do Minist√©rio do Meio Ambiente, Roberto Cavalcanti, lembrou que em regi√Ķes do Oriente M√©dio e do Vale do Rio Nilo, no Egito, a agricultura √© praticada h√° mais de tr√™s mil anos sem esgotar os recursos naturais.

O mais importante para garantir a preserva√ß√£o do bioma caatinga, segundo os especialistas, √© a conserva√ß√£o da √°gua. Uma forma de garantir essa condi√ß√£o seria intercalar a agricultura, no per√≠odo de chuva, com a cria√ß√£o de animais nas demais √©pocas. ‚Äú√Č preciso manter a cobertura natural, porque a chuva √© peri√≥dica, por√©m o ambiente ret√©m essa √°gua e libera ao longo do ano‚ÄĚ, explicou Cavalcanti. (mais…)